sexta-feira, 4 de maio de 2012

Cornetando a escalação


Guerrón + 10, tem sido assim

Com as baixas rubro-negras para o clássico do próximo domingo (6 de maio), Carrasco, que já gosta de inventar bastante, terá dificuldades para escalar o Furacão.

Uma das qualidades do Atlético de 2012 tem sido a regularidade entre as peças de uma mesma posição. Ao longo do campeonato Paranaense as peças mudaram bastante, mas o time manteve o estilo de jogo, e pode-se dizer que manteve o nível também, com uma exceção: Guerrón.

O equatoriano tem sido O CARA, e não tem outro jogador do elenco com o mesmo poder de decisão que Guerrón teve.

E pra piorar as coisas, Edigar Junio, que vem sendo o segundo destaque no ataque, se machucou, e é dúvida.

Ainda teremos os desfalques de Gabriel Marques e Harrison. O primeiro fará falta devido a carência de outro jogador pra posição, e o segundo tem entrado mal, quando entra, mas tem potencial.

Com todos esses problemas, vamos ao "meu 11" para o Atletiba:

Vinícius (devidamente benzido);
Pablo, Manoel, Bruno Costa e Héracles;
Deivid, Zezinho e Liguera;
Bruno Furlan, Bruno Mineiro e Ricardinho;

Banco: Rodolfo, Renan Foguinho, Renan Teixeira, Paulo Baier, Patrick, Marcinho...

SRN

Nenhum comentário:

Postar um comentário