segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Quem joga pra empatar acaba perdendo

Veja os "piores" momentos da fraca partida do Furacão contra o Bugre, em Campinas.


Ataque inoperante

Jogo assustadoramente fraco não acham?

O que mais preocupa é a sequencia de jogos ruins, principalmente do ataque atleticano. Mesmo quando temos todos os titulares, nossas jogadas ofensivas se limitam as arrancadas e dribles de Maikon Leite. E a culpa deste problema, particularmente, é de Carpegiani, na minha opinião, já que temos jogadores qualificados pro setor.

Temos Paulo Baier, Branquinho e Netinho pro meio. Todos já provaram que podem ser decisivos.

Temos Maikon Leite, Guerrón, Bruno Mineiro, e tinhamos Alex Mineiro. Dois de velocidade, com poder de finalização, um artilheiro e outro artilheiro muito técnico.

A verdade é que, com esses jogadores, Carpegiani não conseguiu montar um ataque ideal, nem em uma partida sequer.

E, como eu disse algumas rodadas atrás, com o time jogando dessa maneira, a zaga vai ser sempre colocada a prova. Nos jogos em que Manoel e Rhodolfo não forem perfeitos, vamos tomar gols. E pior, nos jogos em que zagueiros como Alex Fraga, Bruno Costa, ou (o pior) Leandro forem improvisados como laterais, vai ficar ainda mais complicado. 

Substituições

Ontem, Leandro foi mal em TODOS os lances em que participou, e mesmo assim Carpa preferiu tirar, ainda no intervalo, Olberdam e Netinho. Incompreensível! Leandro voltou a falhar em diversas oportunidades, no segundo tempo, e ainda assim não saiu.

Aí Carpegiani pode perguntar: "mas quem eu colocaria na lateral direita?". Quem inventa Bruno Mineiro de ponta direita pode arrumar um jogador pra colocar ali na lateral, não?

E entraram na partida o rápido e driblador Ivan Gonzalez e o bom volante Vitor. Boas tentativas, se olharmos os nomes. O problema é que nosso técnico adora "esconder" gringos nas pontas do campo. Assim como faz com Guerrón (que deve jogar mais próximo do gol), Carpa escondeu Ivan Gonzalez na esquerda, e ele quase não pegou na bola.

Tabela

Mas mesmo com todos os erros, no final das contas estamos no lucro, pelo menos nos jogos fora de casa. Jogamos pra empatar contra Avaí e Guarani, e ganhamos 3 pontos. Agora é vencer o Galo pra voltar a tranquilidade.

2 comentários:

  1. Acho um absurdo manter esse tal de Leandro no grupo. O cara já provou que é limitado e não serve nem prá treino. E outra, depender da "capacidade técnica" de Bruno Mineiro é brincadeira. Mas como sempre estaremos gritando o nome do furacão na quarta-feira contra o galo mineiro, pois afinal somos torcedores e como tal temos o dever de empurrar o tima prá outra vitória.

    ResponderExcluir
  2. Eu tb faz um bom tempo, que nao estou gostando do Carpegiani como treinador. Ele eh loco, nao tem uma escalacao na cabeca dele titular, qdo ele faz uma substituicao entao, soh Deus sabe o que ele quis fazer! Todos sao unanimes em dizer que ele eh um inventor, sera que nao existe um treinador p/Atletico que seja uma pessoa coerente.

    Roberto

    ResponderExcluir