sexta-feira, 30 de julho de 2010

Confira as principais mudanças no Estatuto do Torcedor

Torcedores não poderiam mais xingar
adversários no estádio?
"Na última terça-feira, o presidente Lula sancionou a lei que faz alterações no Estatuto do Torcedor. Confira os principais pontos alterados:

- Quem cometer atos de vandalismo e violência em uma distância de até 5 km dos estádios, invadir o campo ou promover confusão, pode pagar multa, ser proibido de assistir aos jogos e até ser preso;

- Torcedores membros de torcidas organizadas terão os associados cadastrados e caso algum destes cometa alguma infração, serão as torcidas como entidade que responderão;

- A torcida organizada que causar tumulto será impedida de entrar nos estádios por até três anos;

- Cambistas poderão pegar de um a seis anos de prisão, além de multa;

- Árbitros que demonstrarem claramente parcialidade durante os jogos, manipulando os resultados das partidas, poderão ter penas que variam entre dois e seis anos de prisão;

- Os estádios com capacidade para 10 mil torcedores precisam ter uma central técnica de informações, mostrando infraestrutura para monitorar através de câmeras de segurança o público presente, além das catracas de acesso;

- Uma lista com nome de torcedores impedidos de entrar nos estádios será colocada em locais visíveis perto das entradas;

- Bandeiras, bebidas, fogos de artifício e mensagens ofensivas serão proibidas de entrarem nos estádios;

- Gritos de guerra com músicas que ofendam os adversários também estão proibidos e a torcida pode ser punida.

Fonte: SRZD.com (matéria completa, clique aqui)"

Leia também as mudanças no Estatuto do Torcedor, na íntegra, clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário