quarta-feira, 7 de julho de 2010

[Arena da Baixada] Atlético, governo, Fiep e Fecomércio se unem para viabilizar Arena para 2014

Arena 2014: R$160 milhões em
investimentos.
Por Particia Bahr (Furacao.com):

"O governador do Paraná, Orlando Pessuti, revelou que a classe empresarial paranaense está engajada em programas para garantir a sustentabilidade das obras de reformas do estádio da Arena da Baixada, visando a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Na escolinha de governo desta terça-feira, ele comentou sobre a união de representantes do Atlético com a Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) para as obras.


De acordo com o secretário Especial de Assuntos para a Copa do Mundo 2014, Algaci Túlio, a Fiep e o Atlético já concentram esforços visando uma solução racional para a questão. “Quando a Arena da Baixada foi apontada como uma das possíveis sedes dos jogos da Copa de 2014 o nível de exigências da Fifa eram muito menores que os exigidos agora. São aproximadamente R$ 160 milhões em investimentos. Agora os empresários se uniram a nós para buscarmos as soluções para este impasse”, disse.


Na próxima semana deverá ocorrer uma reunião com diretores da Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio), na tentativa de buscar soluções para as obras que precisam ser realizadas na Baixada. Nos últimos dias, representantes da Fiep e do Atlético foram a Brasília conversar com membros do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES). O objetivo é tentar baixar os juros do financiamento de R$ 130 milhões, algo em torno de 11%, para viabilizar o empréstimo.


África do Sul


Nesta semana, o governador Orlando Pessuti irá até a Áfricado Sul apresentar ao comitê da Fifa e representantes do Governo Federal o andamento das obras e os projetos que o Paraná está realizando para receber os jogos da Copa das Confederações, em 2013, e da Copa do Mundo, em 2014. 


“São diversas secretarias envolvidas nos trabalhos que começaram em 2008. Com o grupo de trabalho criado nesta semana exclusivamente para gerenciar as ações relativas à Copa, temos certeza da linearidade das obras que estão sendo realizadas pelas prefeituras municipais em conjunto com os governos Estadual e Federal. É fundamental que o colegiado de secretários dê o apoio ao Comitê da Copa e ao secretário da Copa para que nenhuma ação se contraponha a outra e que as obras estejam concluídas no prazo”, informou o governador.


Informações: Agência Estadual de Notícias"

Nenhum comentário:

Postar um comentário