segunda-feira, 26 de julho de 2010

Ataque eficiente + sorte + boa arbitragem = primeira vitória fora de casa

O Atlético não foi brilhante, mas levou a vitória.

Com eficiência nos contra-ataques, principalmente no primeiro tempo, quando praticamente teve 100% de aproveitamento (um chute, um gol), o Atlético até fez boa partida. Exatamente da maneira que devemos jogar fora de casa, marcando sobre pressão, e saindo rapidamente para o ataque ao roubar as bolas.

É lógico que, com um time que não é nenhum maravilha tecnicamente, nem sempre essa maneira de jogar da resultado. Mas acredito que seja a melhor, pra jogar fora de casa.

Ontem, para conseguir os 3 pontos, o Atlético recebeu ajuda muito bem vinda das traves. Foram 3 bolas nas traves do goleiro Neto, que fez algumas boas defesas também. Além disso, a arbitragem foi tranquila, sem as palhaçadas que já estamos acostumados a ver contra o Furacão nos últimos anos.

Então, com um futebol eficiente, sem erros de arbitragem, e com uma boa dose de sorte, conseguir um placar tranquilo, de 2 a 0, contra o "chato" Goiás.

Troféu Joinha
Paulo Baier, o maestro atleticano, não foi brilhante, mas liderou o time a vitória.

Troféu "Coxinha de Ouro"
Leandro, que só deu chutão. (a zaga inteira foi mal, perdendo todas as jogadas aéreas)

---

Melhores momentos da primeira vitória do Furacão, fora de casa, nesse Brasileiro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário