terça-feira, 18 de maio de 2010

Mais um passo em direção a conclusão da Arena

Da Furacao.com:

"O governo anunciou nesta segunda-feira que vai conceder benefícios fiscais para a construção e reforma dos estádios que sediarão os jogos da Copa do Mundo 2014. 

De acordo com comunicado do ministro da Fazenda, Guido Mantega, os Estados que sediarão os jogos poderão conceder isenção de ICMS nas operações com mercadorias e bens destinados à construção, ampliação, reforma ou modernização de estádios para a Copa. 

Além disso, os estádios-sede do campeonato mundial, localizados no Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Curitiba, Brasília, Cuiabá, Manaus, Fortaleza, Salvador, Recife e Natal, serão desonerados do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados), PIS/Confins e Imposto de Importação. 

O comunicado afirma ainda que a isenção adicional de ICMS na importação só será dado caso o bem não possua similar nacional. 
A decisão será publicada em lei ou Medida Provisória."


Excelente notícia para a diretoria rubro-negra. Com a isenção fiscal, será muito mais fácil atrair investidores do setor privado. Vamos torcer pra que dinheiro público não precise entrar na Arena. 

2 comentários:

  1. Quando que vai terminar a arena??? vi que fizeram a arquibancada onde era o paredão, mas vi também que não fico no mesmo nível do restante, parece menor.....

    ResponderExcluir
  2. Vão terminar para a Copa do Mundo.

    As arquibancadas novas são do mesmo nível das antigas, mas só foi erguido, por enquanto, até o degrau que ficará no nível das "bocas" de entrada. Isso porque a partir desse nível, será feita a estrutura para o corredor interno, com a lojas, e também para o segundo anel.

    Além disso, a parte nova já está sem fosso, com dois lances de arquibancada no lugar. Isso vai ser feito em todo o estádio na próxima reforma, pra Copa.

    ResponderExcluir