segunda-feira, 10 de maio de 2010

E começou a roubalheira!


E começou o Brasileiro... e começou mal pra nós.

Pelo segundo ano consecutivo começamos o Brasileirão perdendo. Pelo menos desta vez a derrota já era esperada. É triste, e até desanimador, pensar assim, mas é a realidade. Ou alguém acreditou que ganharíamos do Corinthians no Pacaembu neste domingo que passou?

Todos nós, atleticanos, sabemos muito bem o time limitado com que estamos convivendo. E não é novidade, afinal já foram 4 anos sem disputar títulos nacionais. E nos últimos 3, pior que isso, disputamos o rebaixamento.

Mas tirando toda essa limitação do nosso time de lado, fomos ASSALTADOS descaradamente. E isso ninguém pode negar. Foram 3 lances absurdos que modificaram totalmente o andamento da partida. E não me interessa se o Corinthians mereceu ganhar, ou se estávamos jogando mal, o fato é que fomos GARFADOS.

Ontem, após a partida, já esperava que a imprensa parcial do eixo iria simplesmente ignorar os erros do árbitro, como ignorou. Mas hoje, ao ler a coluna do Airton Cordeiro na Gazeta do Povo, lembrei como nossa imprensa é ridícula também. O senhor Airton Cordeiro teve a capacidade de comentar o jogo em sua coluna sem mencionar sequer um dos erros do árbitro Marcelo de Lima Henrique.

E fiquei me perguntando porque! Qual o motivo de tanta parcialidade quando comenta fatos envolvendo o Furacão...


Nenhum comentário:

Postar um comentário